Tempo de buscar a Deus

Texto base: Oséias 10:12

A natureza nos ensina que tudo tem um tempo próprio; as estações; o dia e a noite; as árvores frutíferas; os seres vivos (de criança a adultos, de filhotes adultos, de mudas a árvores). Os propósitos na vida também tem um tempo certo (casamento, ter filhos, profissão, faculdade).

Podemos tentar apressar as coisas, mas normalmente perdemos agindo assim. Podemos colher o fruto verde, mas ele não será tão saboroso.

A Bíblia nos ensina que existe um tempo para buscar a Deus. Isso não tem a ver com anos ou meses, também não tem a ver com as circunstâncias externas. O tempo certo para buscarmos a Deus tem a ver conosco.

Qual o tempo de buscarmos a Deus?

  • Quando estamos arrependidos de nossos pecados e desejamos abandoná-los é tempo de buscar a Deus. Agora precisamos desejar deixar o pecado. Desejo e intenção são diferentes. Muitos entendem que tem que deixar o pecado e até decidem fazer isso, mas como não desejam de verdade abandonar o pecado, pois gostam dele, não levam a decisão adiante. Precisamos saber que o pecado nos afasta de Deus. Se queremos a Deus temos que desejar deixar o pecado.
  • Quando queremos conhecer melhor a Deus e estamos dispostos a isso é tempo de buscar a Deus.
  • Quando o temor de Deus começa a ganhar o nosso coração é tempo de buscar a Deus. Temor não tem a ver com medo, tem a ver com respeito e amor. Quando respeitamos a Deus e o amamos mais do que ao pecado é tempo de buscar a Deus.
  • Quando nos tornamos humildes o bastante para aprendermos e obedecermos é tempo de buscar a Deus. Talvez o maior pecado do ser-humano seja arrogância (orgulho). Caímos na mesma condenação do diabo (I Tm. 3:6).
  • Quando entendemos que somos impotentes e ignorantes, quando entendemos que lidamos com coisas grandiosas demais para nós e sem Deus nós não podemos nada. Quando entendemos que precisamos e dependemos e dependemos de Deus é tempo de buscá-lo.

Hoje pode ser o tempo de você buscar a Deus, depende de você.

Bispo Emanuel Siqueira
Bispo Presidente da 7ª Região Eclesiástica